..Pés no Chão :: Histórico :: Quem faz :: Notícias :: Links :: Contribua :: Contatos

Curso do Calendário da Paz


Os Maias concebiam o tempo como um espaço quadridimensional no qual a Terra está inserida. Conheciam com exatidão as pulsações energéticas provindas do centro da Galáxia e as suas influencias nesse espaço.

O Calendário de 13 luas de 28 dias traz o sincronismo dessas emissões energéticas numa freqüência de tempo natural e universal.

Esse calendário observa todos os movimentos de um sistema total: a Terra, a Lua, o Sol e nossa galáxia. Dessa forma, o calendário de 13 luas resgata a harmonia para o nosso planeta e para a espécie humana, na qual o tempo é Arte.

 


Na noite de sábado, após o primeiro dia do curso, o elenco do Pés no Chão apresentou duas coreografias que integram o espetáculo "Água que pela vida aflora".

Algumas bailarinas não puderam participar desta apresentação. Além disso, as professoras e coreógrafas do grupo estavam viajando.

Numa pequena reunião realizada no centro do palco, as alunas elaboraram as modificações para que as coreografias pudessem ser apresentadas, mesmo com as ausências das colegas.

 

Estas características do Calendário Maia foram discutidas no curso ministrado por Vandir Casa Grande, coordenador da Rede de Arte Planetária do Brasil.

O material didático do curso foi vendido nos seguintes locais: Papelaria Bom Custo, Loja Zen, Wizard e Loja Shakti.

O curso foi gratuito e recebeu um bom número de alunos. O evento contou, também, com uma feira de troca. Nela, as pessoas puderam trocar objetos que não precisavam mais por outros que fossem de seu interesse.

 



Logo após a apresentação, o Pés no Chão passou o chapéu para pedir ajuda da comunidade local.

Na cantina, foram vendidos pizzas e outros quitutes.

Os recursos obtidos nestas ações ajudam a manter o Pés no Chão de portas abertas.

Você também pode colaborar. Veja como é fácil adotar o Pés no Chão! Estamos precisando de ajuda.