....início :: histórico :: eventos :: notícias :: links :: contribua :: contatos

Binde bê... nossa história

O Espaço Cultural Pés no Chão apresentou neste sábado e domingo, dias 8 e 9 de maio, às 20 hs, o evento "Binde bê... a nossa história" - 3a edição.

A programação do sábado, dia 8, contou com esquetes que mostraram o linguajar, os trejeitos e costumes tradicionais da cultura caiçara.

 

veja mais fotos

O elenco do Pés no Chão apresentou a Dança do Vilão.

Entre eles, destacaram-se "A Venzedeira", um esquete que resgata a história de pessoas como Dona Doca, que praticavam curas não apenas físicas, como também espirituais, através do aconselhamento, das rezas e da preparação de receitas com plantas medicinais.

Outra figura que foi mostrada foi a de "Seu Antônio Inácio", personagem da Praia da Serraria, que possuía poderes sobrenaturais - a lenda diz que ele se comunicava com as cobras. "A Peichada na Praia", extraída de um texto de José Eduardo Filiolia, será outra atração, pela riqueza de variedades de peixes incluída no texto.

O Grupo Folclórico Raízes de Ilhabela mostrou a beleza e a emoção de algumas folias e toadas tradicionais. Walter Santana e Neide Palumbo apresentaram poesias e "causos".

Os Pequenos Contadores de História do Pés no Chão encenaram a peça

"A Vida do Escravo Estevão",

uma história que se desenrola no Engenho d'Água. Essa peça foi escrita por Adriano Leite.

No dia 9, domingo, o evento contou com 3 esquetes: "A Bontade do Sorbete", "A Lata" e
"A Catinga de Perfume". Foi também apresentado o filme "O Caiçara", de Adolfo Celi, filmado em Ilhabela no ano de 1950.

Nos dois dias do evento, foi apresentado o documentário "Memória Viva" realizado pelo Aquário de Ilhabela em parceria com o Pés no Chão, com depoimentos de personagens ilustres de Ilhabela, como Dona Ana e Dona Isanil, filhas de Eva Esperança Silva, descendentes de escravos, que abordaram o tema da Congada e também da escravatura.

Este evento teve o apoio cultural da Secretaria de Cultura de Ilhabela e da Fundaci.
O registro das imagens foi feito pelo Aquário de Ilhabela.